Exercícios poéticos, apaixonados e patéticos: pequenos mergulhos e vôos, para compartilhar...

29 de jul de 2007

Indícios lilases


Nas íris
nas asas
nos olhos
nas águas
nas cores
da alma
indícios
de pontes
e abismos
no íntimo
de cada
um...
Entre paixões
pulsações
e paraísos
as cintilâncias
de entrelaçadas
constelações...
...


*Imagem: "Olhar Lilás Polialado".
Pintura de Ana Luisa Kaminski. (em processo).

18 comentários:

Héber Sales disse...

azulilás

bjs

Lady Vania de Tróia disse...

Analuka...
Poeta são assim:Escrevem e pintam estrelas de cores jamais sonhadas....
beijos azuis e alados...sempre....
voa,voa em meu coração....

l. rafael nolli disse...

Olá, Analuka! Hoje quero falar de Vibrações Azuladas! Achei a tela impressionante - é a tela que mais tem me chamado a atenção por aqui. Acho todas, como digo sempre que venho aqui, muito bonitas, os olhos sempre expressivos, mas essa, em particular, tem uma mágica! Muito bom. Abraços para ti!

Fabrício Brandão disse...

... e a vida se esconde por trás de nossos átimos íntimos...

Beijos, querida, sempre!

Samsara disse...

Realmente em cada alma há um abismo, um mistério, algo belo e mutável, que descondensa o tempo entre mil espaços...

Bjs poéticos...Adorei...

Samsara Bodhanam

luizzzroberto disse...

[b]
prá mim belo
é o que deixa a alma estonteante
meio como pasma e grogue
mas não é apenas uma
paixão muito especial
por algo e alguém
que mesmo estando a distância
trouxe algo na lembrança
que nem mesmo eu sei dizer.
é ainda algo mais.

beijos profundos
porque a arte
os merece
abraços carinhosos
como quem a muito represa
o amor para depois despejá-los
num momento divino.

até querida.

Assis de Mello disse...

Oi AnaLuka !! A Dama do Sótão está arrasando, hem ?!
Ameiiiiiiiiii

verabasile disse...

Oi Analuka!
Nossa, estou pra comentar a tempos aqui..adoro suas pinturas e poesias, assim como vc são minhas grandes paixões!
Parabéns pelo seu belíssimo trabalho.
bjs

Yuri Assis disse...

s
i
n
e
s
t
é
s
i
c
a!
bjos!

Maria disse...

Que linda pintura, que linda conjugação !!! Grande beijo

moacircaetano disse...

belo, belo...

POEIRA ESTELAR disse...

Lentas borboletas azuis, olhos em tons de água, corações enternecidos em lilazes transformados... bocas redesenhadas, cabelos de meduza em dourados tons entrelaçados..
Linda, meu coração faz vôos longe, longe, quando aprecio tuas cores e teu traço.
Xêros no coração.

Lu Anna disse...

Um ato de amor entre os astros. Nesse poema a Lua escureçe o Dia, e o Sol clareia a Noite, para entrelaçarem suas luzes e fazer amor entre as estrelas...

beijos

Leila Lopes disse...

É muito bom sentir as cores da alma, quando elas nos falam da paixão azulada.
Bjo, querida.

adelaide amorim disse...

Andava com saudades daqui, desses azuis, dos caleidoscópios de imagens que saem de suas mãos...
Beijos e bom domingo, querida.

Lunna disse...

Seu versar sempre me causa uma calma e um sorriso. Depois fecho os olhos e tento enxergar o universo por trás das cortinas azuis. Quero encontrar um barco por lá e me perder.
Abraços

roinvisivel@gmail.com disse...

Oi Analu, saudades ....
Dispensa comentários pela beleza da imagem, beleza da alma e beleza de seus olhos lendo aqui agora.
Te gosto!

Gaivota disse...

as borboletas deixaram rastro, visitaram palavras, comeram flores e beijaram um arco íris em puro e reticente êxtase..
Parabéns

Gaivota