Exercícios poéticos, apaixonados e patéticos: pequenos mergulhos e vôos, para compartilhar...

12 de mar de 2007

nau da alma


A nau da alma parte
levanta ânkora, desfaz o nó
atravessa as águas de março
abre as asas no azul espaço...

A nau da alma pousa
num ponto sobre o abismo
e analisa o mapa-mandala
do mundo-labirinto-lilás...

A nau da alma pulsa
seguindo seu vôo-paixão
encontra espirais e ventos
em movimentos infinitos, in-fusão...

5 comentários:

Leila Lopes disse...

Embarco, sim, de olhos fechados nesta nau que pulsa e pousa em tantos caminhos...
bjo

Fabrício Brandão disse...

Viagens tão necessárias de outras vias: as da alma. Ânkoras & Asas, espaço que busca a cura pelo sublime, universo lúdico em cores que percorrem a superfície do mistério. Como é bom saber desse blog um lugar onde habita a amada poesia.
Sucesso e coisas belas, sempre!!

Gustavo Eólico disse...

adorei as imagens sugeridas!!!

parabéns!

Helder Hortta disse...

MUITO BOM ESSE SEU BLOG.
PARABENS

GOSTEI MUITO DAQUI

BJS

Wagner Gallo disse...

O que falar de quem vê o sol azul, O ar colorido,
Vida no inanimado?

*
O que dizer de quem fala com elementais,
Brinca com anjos,
E modela nuvens?

*
Como não viver os sonhos,
Não amar os encantos
E respirar plumas de sentimentos?

*
Amiga Lukka, em suas “Janelas",
Vivemos seus pensamentos, Sonhamos seus sonhos e Respiramos Azul!!!

Parabéns sempre...

Wagner Gallo